http://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/fc-porto/detalhe/francisco-j-marques-e-o-golo-anulado-ao-estoril-aguardam-se-explicacoes-sobre-a-atuacao-do-var.html
Francisco J. Marques e o golo anulado ao Estoril: «Aguardam-se explicações sobre a atuação do VAR»
Benfica
Ontem às 23h56
//cdn.record.pt/images/2018-04/img_309x179$2018_04_18_21_17_05_1388382.jpg
O diretor de comunicação do FC Porto criticou a decisão do vídeo-árbitro em anular o que seria, na altura, o golo do empate do Estoril diante do Benfica, aos 53'. "Para não fazerem de todos os adeptos de futebol parvos aguardam-se as explicações sobre a atuação do VAR neste lance. Até lá a explicação saiu por antecipação na imprensa de hoje. Continuem a fingir", afirmou Francisco J. Marques no Twitter. Para não fazerem de todos os adeptos de futebol parvos aguardam-se as explicações sobre a atuação do VAR neste lance. Até lá a explicação saiu por antecipação na imprensa de hoje. Continuem a fingir pic.twitter.com/tqCon8JK1N — Francisco J. Marques (@FranciscoMarkes) April 21, 2018

##

http://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/fc-porto/detalhe/historia-embala-o-titulo.html
História embala o título
Benfica
03h40
//cdn.record.pt/images/2018-04/img_309x179$2018_04_18_21_17_05_1388382.jpg
O diretor de comunicação do FC Porto criticou a decisão do vídeo-árbitro em anular o que seria, na altura, o golo do empate do Estoril diante do Benfica, aos 53'. "Para não fazerem de todos os adeptos de futebol parvos aguardam-se as explicações sobre a atuação do VAR neste lance. Até lá a explicação saiu por antecipação na imprensa de hoje. Continuem a fingir", afirmou Francisco J. Marques no Twitter. Para não fazerem de todos os adeptos de futebol parvos aguardam-se as explicações sobre a atuação do VAR neste lance. Até lá a explicação saiu por antecipação na imprensa de hoje. Continuem a fingir pic.twitter.com/tqCon8JK1N — Francisco J. Marques (@FranciscoMarkes) April 21, 2018

##

http://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/fc-porto/detalhe/defesa-de-elite-abriu-caminho-ate-ao-topo.html
Defesa de elite abriu caminho até ao topo
Benfica
05h00
//cdn.record.pt/images/2018-04/img_309x179$2018_04_18_21_17_05_1388382.jpg
Numa equipa que vai dando evidentes sinais de crise no ataque, com os avançados em branco há seis jogos no campeonato, a consistência defensiva tem-se revelado determinante para o retomar da liderança na Liga. Depois de ter passado por um período de muita turbulência, que resultou em duas derrotas e lances comprometedores, o sector recuado recuperou a estabilidade e somou na Luz a segunda jornada consecutiva sem sofrer golos. O registo pode parecer escasso, mas a verdade é que isso já não acontecia há dois meses, quando os dragões golearam o Chaves e o Rio Ave, com uma diferença de golos de 9-0. Desta vez o total é apenas de 3-0, mas ajudou a regressar à frente do campeonato. Para além de ter recuperado o estatuto de melhor defesa da Liga NOS, a equipa de Sérgio Conceição ascendeu também ao topo das melhores retaguardas dos dez principais campeonatos europeus, não só em termos absolutos como também em média de golos por jogo. O Atlético Madrid detinha o anterior melhor registo, mas a pesada derrota sofrida no terreno da Real Sociedad (0-3) fez com que perdesse essa condição para o FC Porto. Note-se que Benfica e Sporting também integram o top 10 europeu, o que diz bem do equilíbrio em termos defensivos que existe entre os principais candidatos ao título nacional.

##

http://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/fc-porto/detalhe/felipe-aguenta-firme.html
Felipe aguenta firme
Benfica
05h21
//cdn.record.pt/images/2018-04/img_309x179$2018_04_18_21_17_05_1388382.jpg
A subida de forma de Felipe nesta fase também contribuiu de certa maneira para a melhoria do registo defensivo dos dragões, ele que atravessou um período negativo que coincidiu com as derrotas em Paços de Ferreira e no Belenenses, ficando diretamente ligado aos três golos consentidos pela equipa. O brasileiro, de 28 anos, tem mais jogos no campeonato do que o seu companheiro do eixo da defesa, Iván Marcano, mas, ao contrário do espanhol, ainda não atingiu o limite de cinco cartões amarelos. Felipe viu o quarto no Restelo e aguentou-se firme para jogar o clássico da Luz, porque, segundo ele, em situações dessas os níveis de concentração até aumentam. Passado o duelo frente ao Benfica, o central está agora apostado em acabar a Liga sem ser castigado por via dos amarelos, a começar pela difícil deslocação ao Marítimo. Na época transata, por esta altura, o brasileiro já tinha oito cartões amarelos, o que diz bem da evolução que registou em termos disciplinares.

##

http://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/fc-porto/detalhe/ricardo-pereira-e-o-guia-estrategico.html
Ricardo Pereira é o guia estratégico
Benfica
03h00
//cdn.record.pt/images/2018-04/img_309x179$2018_04_18_21_17_05_1388382.jpg
É o exemplo perfeito da forma como Sérgio Conceição tem procurado potenciar a sua estratégia para cada jogo e diversificar as dinâmicas da equipa. Ricardo Pereira tem-se revezado entre as posições de médio-ala e lateral-direito e, amanhã, o português voltará a recuar no terreno. O posicionamento do português a cada partida é uma espécie de fio de prumo do plano estratégico do seu técnico para cada duelo. Com o posicionamento de Ricardo Pereira no seu posto habitual, o de defesa-direito, Sérgio Conceição procura potenciar as combinações e os desequilíbrios sobre aquele flanco, juntando o todo-o-terreno a um extremo de maior pendor ofensivo. Foi isso que aconteceu, por exemplo, na última jornada, na Luz, em que o português jogou nas costas de Marega, conferindo uma maior acutilância ofensiva àquele flanco num jogo que o FC Porto necessitava de vencer e também na esmagadora maioria dos jogos caseiros, nos quais a equipa costuma ser dominadora. Quando a intenção técnica passa por uma maior moderação, é privilegiada a utilização de Ricardo Pereira como extremo, com Maxi a assegurar a zona mais recuada. Esta intensificação da segurança defensiva tem servido o plano de jogo do técnico em duelos específicos, como por exemplo o jogo da 2ª mão das meias-finais da Taça de Portugal, em Alvalade, e a visita ao Restelo há duas rondas. Amanhã, com Ricardo a partir de trás, a mensagem é clara: é para carregar sobre o V. Setúbal!

##